Depositos a Prazo

Julho 17 2011

Alguns bancos procuram cativar os mais novos com a oferta de brindes, mas as remunerações não convencem: na melhor das hipóteses chegam a 3%.

Por ocasião do Dia Mundial da Criança, a Deco foi à procura das contas de poupança para os mais novos. Alguns bancos procuram cativar com a oferta de brindes e os mealheiros estão na moda. Mas as remunerações é que não convencem: na melhor das hipóteses obtém 3%.

As propostas dos bancos

Alguns bancos propõem contas específicas para os mais novos. As ofertas vão desde contas à ordem, contas de poupança, seguros de capitalização e planos mutualistas. Limitámo-nos às contas de poupança:

Barclays
A Poupança Aforro Jovem é uma conta a três meses e remunera a 0,9% líquidos, com bonificação de 0,08% por trimestre, sempre que o diferencial entre o saldo final e o saldo inicial em cada trimestre, for superior ou igual a 150 euros e até atingir a bonificação máxima de 0,8% líquida.

Banif
Propõe a conta Poupança Nova Geração, disponível pelo prazo de um ou dois anos. No segundo caso, o montante mínimo de subscrição é de 2.500 euros, enquanto no primeiro é apenas de 100 euros. A remuneração também varia: 1,6% líquida a um ano e 1,8% a dois anos.

Banco BPI
A ABConta é um depósito a um ano, renovável, com uma taxa base anual e um prémio de permanência de 0,2% líquido ao ano, a partir do segundo ano e até ao máximo de 0,6%, desde que tenha existido pelo menos um reforço e não tenham ocorrido levantamentos durante o ano. O montante mínimo é de 100 euros e os reforços e mínimo de manutenção deverão ser de, pelo menos, 25 euros. Para jovens com idades inferiores a 18 anos.

Banco Best
A Primeira Conta Poupança tem uma taxa base de 1,6% e um prémio de permanência anual de 0,2%, a partir do segundo ano, até ao máximo de 0,8% se não ocorrerem levantamentos. É renovável até ao máximo de cinco anos e são permitidos reforços a qualquer momento com um montante mínimo de 25 euros.

Banco Espírito Santo
A Conta Poupança Júnior (até aos 12 anos) é um depósito por um, seis ou doze meses, renovável por igual período. A remuneração é de 0,28% anual bruta; o montante mínimo é de 100 euros e reforços a partir de 20 euros. Os juros são pagos no final do prazo com capitalização. É permitido o resgate total ou parcial, respeitando o mínimo de manutenção. A Poupança Crescente Júnior (até aos 18 anos) paga juros semestrais durante quatro anos: 1% brutos no primeiro ano, 1,1% no segundo, 1,3% no terceiro ano, 1,5% no penúltimo semestre e 5% no último período. A taxa anual efectiva líquida desta aplicação é de 1,3%. O montante mínimo é de 100 euros. Permite resgates totais ou parciais na renovação semestral.

Banco Popular
A conta Eu Poupo é um depósito a três anos não mobilizável e remunerado a taxa anual líquida de 2,4%. Para montantes entre 1.000 e 25.000 euros. Destinado exclusivamente a jovens até aos 25 anos que adiram a uma das Contas Eu Quero! Eu Posso! e Eu Mando!.

Banco Português de Negócios
A Poupança Com Futuro é um depósito para jovens até aos 17 anos. O montante mínimo é de 250 euros. Rende 1,4% ou 1,6% líquidos, consoante seja a seis ou doze meses. 
A conta Poupança Cool é trimestral e apenas para quem tem entre 18 e 34 anos.

Caixa Geral de Depósitos
O Caixa PopPrazo é um depósito a quatro anos com pagamento semestral de juros, para jovens até 25 anos. O montante mínimo é de 250 euros. Remunerado a uma taxa líquida inicial de 1,7%, à qual acrescem prémios de permanência de 0,08% até ao sexto semestre, 0,4% no sétimo semestre e 2,4% no último semestre. Em termos efectivos rende 2,4%, se mantiver durante os quatro anos.

O Caixa PopPrazo Não Mobilizável, também a quatro anos e com juros semestrais capitalizáveis, mas a taxa fixa, rende 3%. Para jovens até aos 28 anos.

O Caixa PopNet pode ser constituído a três, seis ou 12 meses, com renovação automática por mais um período. Até 25 mil euros e exclusivo para jovens até aos 28 anos. Disponível no serviço CaixaDirecta On-Line.

Caixa Galícia
A Conta Poupança-Jovem destina-se a jovens até aos 26 anos. O montante mínimo é de 100 euros na subscrição e 25 euros nos reforços. A taxa líquida varia consoante o prazo contratado: 0,8% a seis meses e 1% a um ano.

Crédito Agrícola
A conta Poupança Futuro a um ano, renovável por igual período e com capitalização de juros. Para jovens até aos 30 anos. Pode ser subscrita com 100 euros e reforços com um mínimo de 25 euros. Esta conta oferece prémios de permanência anuais de 0,16% líquidos sobre a taxa base em vigor a cada renovação, até ao máximo de 0,8%, desde que seja feito, pelo menos, um reforço por período e não existam levantamentos. A taxa base é de 0,6% líquida.

A Poupança Geração Jovem é uma conta a seis ou doze meses, renovável por igual período e com capitalização opcional de juros. O mínimo de subscrição é de 100 euros e reforços com um mínimo de 25 euros. É remunerada por escalões (de 0,3% a 0,7% líquidos).

Millennium bcp
Na conta Cresce e Aparece a taxa de juro é de 2,4% no primeiro mês e nos restantes sempre que houver um aumento do saldo da poupança, com um mínimo de 25 euros. Nos meses em que não haja um reforço mínimo de 25 euros, não há rendimento. O montante máximo permitido nesta conta é de 3.000 euros.

O Net.jovem é um depósito a um ano renovável para jovens até 26 anos. O mínimo de constituição e entregas é de 25 euros. É permitida a mobilização, com penalização dos juros consoante o prazo decorrido. Rende 0,8% líquidos.

A Poupança Mealheiro é uma conta a três meses para jovens até aos 18 anos. As entregas podem ser periódicas ou não, mas o mínimo é sempre de 25 euros. Tem prémio de permanência anual e cumulativo até ao máximo de 0,8% líquido atingido no quinto ano. A taxa base é de apenas 0,8%.

Montepio
Cinco propostas consoante a idade, com pagamento de juros anuais de acordo com os escalões: Montepio Mini Super Poupança (0 aos 6 anos), Montepio Fun Poupança (7 aos 12 anos), Montepio Futuro (13 aos 18) e Montepio Especial Jovem Poupança (a partir dos 15 anos). Todas são remuneradas a 1% se os juros forem pagos semestralmente e 1,2% em juros anuais. Existe ainda a conta Montepio Super Poupança Bué pelo prazo de dois anos (1,2%).

Santander Totta
A Conta Poupança Jovem tem o prazo de um ano e é renovável automaticamente na data de vencimento. A remuneração varia entre 0,4% e 0,7% líquida, consoante o escalão do saldo da conta.

publicado por adm às 22:52

Julho 08 2011

Com tanta incerteza relativa à capacidade do novo Governo de reduzir o défice devido ao peso insustentável a que chegou a dívida pública, os depósitos a prazo continuam a parecer a alternativa mais segura e menos stressante para aplicação das poupanças dos particulares.

Se a isto acrescermos as elevadas taxas que os Bancos estão a oferecer, vemos que o momento actual é único na história financeira portuguesa.

Com o objectivo de refrear a concorrência, o Banco de Portugal veio obrigar os bancos a reportarem-lhe os Depósitos superiores em mais de 3% à taxa de referência para o mesmo prazo. Mas, dada as elevadas necessidades e as reduzidas fontes de financiamento, difícilmente isto irá arrefecer a guerra nos depósitos a prazo. 
 

QUAL O PRAZO IDEAL?

Neste momento o prazo ideal é de 3 meses de modo a aproveitar ainda as ofertas excepcionais que os bancos deverão fazer mais no final do ano para que o prazo dos depósitos passe o ano e melhore a imagem dos seus balanços e dos seus rácios de transformação.

Outra alternativa são os depósitos a vários anos, com pagamento periódico de juros, em que se pode sair após o pagamento de juros, sem qualquer penalização. Estes permitem beneficiar de taxas muito interessantes, com juros pagos periodicamente e a possibilidade de sair sem penalização, nas datas de pagamento de juros, caso encontre um depósito melhor ou necessite do dinheiro. São exemplos o depósito 3,75% do Banco Finantia, a Conta Rendimento do BES e os DPs Crescentes do Banif.

 

 

Os melhores depósitos a prazo de Julho de 2011


  

TANTANB -

Taxa anual

nominal Bruta

      
  Montante 3 Meses   6 Meses  12 Meses
 
Até
10.000 €
 

ActivoBank Net Activo

(2,75%)


BIG DP 3M (2,75%)


Banco Popular DP

Ouro 2 (2,70%)

 

BEST DP Blue 4 

(6,00%)


BBVA DP Super 4

(4,00%)


ActivoBank DP

Poupança

Start (4,00%)

 

Activo Bank DP

Poup. Start 

(4,50%)


BIG DP (3,75%)


Banco Popular

DP Popular (3,50%)

 
Até
50.000 
 

Super DP Banif@st

(3,15%)


BIG DP Top

(3,00%)


BPN DP Mais

Poupança (3,00%)

 

BEST DP

Blue 4 (6,00%)


BBVA DP

Super 4 (4,00%)

 


ActivoBank

DP Poupança

Start (4,00%)

 

BIG DP Top 12M

 (4,50%)

 


Banco Popular DP

Popular (4,25%)


Banif DP N/Mob.4

 (4,15%)

 
Até
100.000 
 

Banco Finantia

DP 3M 2 (4,00%)


BPN DP Mais

Poupança (3,50%)


BIG DP Top II

(3,25%)

 

Banif DP N/Mob. 4 

(4,30%)


Banco Finantia DP

6 M3 (4,25%)


BBVA DP

Super 4 (4,00%)

 

Banco Finantia

DP 12M 3 (4,75%)

 


BIG DP Top II

(4,75%)


Banif DP N/Mob.

(4,50%)

 
Mais de
100.000€
 

Banco Finantia 3

 (4,00%)


BPN DP Mais

POupança (3,50%)


BIG DP Top II

(3,25%)

 

Banif DP N/Mob. 4 

(4,30%)


Banco Finantia DP

6 M3 (4,25%)


BBVA DP Super 4

(4,00%)

 

Banco Finantia DP

12M 3 (4,75%)


BIG DP Top II

(4,75%)


Banif DP N/Mob.4

 (4,75%)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte:www.moneygps.p

publicado por adm às 23:37

pesquisar
 
links
subscrever feeds